Você Não Sabe Do Que Uma Mãe de Bailarina é Capaz!

Ser mãe envolve muito aprendizado, educar um filho não é simples, mas é gratificante ver os pequenos crescendo, conquistando e avançando na vida. Quando um filho se envolve com uma atividade como o ballet por exemplo, e passa a se dedicar a ela, a rotina de toda a família muda, principalmente dos pais que que são fundamentais nas realizações desta bailarina.

É incrível em perceber como os pais de bailarinas e em sua maioria as mamães, se descobrem no universo bailarinístico.

No começo é tudo confuso, body de ballet que na verdade é collant; meia que tem furo no pé; Sapatilhas de ponta, meia ponta com numerações malucas; Como fazer o coque…

Sim, são muitas dúvidas no início, mas logo estas mesmas mamães e alguns papais se envolvem nesse meio e se tornam o que precisarem para ajudar seus filhos a alcançarem seus objetivos. Esse post é dedicado as mamães e papais de bailarinas que tanto contribuem com esta arte.

  • Costureiras e Estilistas: Sempre tem aquelas mamães que são verdadeiras salvadoras nos dias de espetáculo com seus kits costuras prontas a socorrer quando alguma surpresa com figurino ou sapatilhas acontecem.
  • Cabeleireiros: Dedicam horas em tutoriais no Youtube para aprenderem a fazer o bendito coque! Logo se tornam especialistas em coques, coques de repertório, coques trançados, coques rosquinhas! Tudo para manter a cabeleira de suas bailarinas impecáveis!
  • Primeiro e maiores Investidores: Não digo apenas em roupas de ballet, acessórios e figurinos de ballet, mas os pais são os primeiros a comprarem ingressos e ajudarem a vender, além do tempo muitas vezes acompanhando os ensaios e aulas. A verdade é que eles podem até não decorar todos os nomes dos passos de ballet, mas torcem e dançam em sua alma junto com suas filhas e filhos em cada ensaio e em cada espetáculo.
  • Coaches: Eles cuidam da casa, comida, trabalham fora, filho e nada disso é desculpa para deixar seus bailarinos desanimarem com o ballet. São os primeiros a incentivarem e motivarem suas filhas e filhos a continuar na arte.
  • Médicos e massagistas: Nos dias de dores devido à intensidade dos ensaios cuidam de seus bailarinos melhor até que muitos médicos: com muito amor!
  • Motoristas: Levam para o ensaio, para apresentação, para as audições, workshops… É só chamar que ele vai!
  • Guia Turístico: Tem muitos pais de bailarinos que acompanham seus filhos nas jornadas de competições e audições, mesmo em outras cidades, estados até outros países.

A nossa lista finaliza aqui, mas sabemos que na prática ela vai longe… A verdade é que os pais acumulam 1.001 funções, e são os primeiros a acreditarem no potencial de seus filhos, sonham junto e possuem uma fé inabalável! Fazem o que podem para verem suas bailarinas e bailarinos alcançando suas metas.

O que fica no coração de nós filhas e filhos bailarinos é uma imensa gratidão, afinal aqui abordamos apenas alguns exemplos no universo ballet, mas sabemos que todo esse empenho se estende a todas as áreas de nossas vidas.

Se você é mamãe de bailarina, conta para a gente nos comentários o que o ballet te ensinou? E Você é bailarina, bailarino? Envie esse post para seus pais falando um pouco da sua gratidão a eles.

Espero que tenha gostado deste post e nos vemos na próxima semana, se Deus quiser!

Deixe uma resposta

Nós usamos cookies para melhorar sua experiência na Amora Ballet.